Pelos caminhos de Guimarães…

Desta vez fomos até Couros, já por lá andámos várias vezes, percorremos as ruas em paralelo a pé e sabe sempre bem o passeio. A zona de Couros pertencia a uma antiga fábrica de curtumes, local onde se trabalhava o couro, uma atividade antiga da cidade. Por lá ainda se encontram os tanques de pedra, onde eram lavadas, tratadas e tingidas as peles. Esta zona foi recentemente requalificada e foge um pouco ao circuito do centro histórico de Guimarães, pelo que vale a pena a visita. Também aproveitámos e subimos até à Ilha do Sabão. Este conjunto de casas, tem um encanto especial, pois pertenceu a uma família de grandes proprietários de uma fábrica de curtumes e servia de habitação aos trabalhadores. Recentemente recuperada, tem na sua traça as características típicas das casas do Minho. Vale mesmo a pena a visita!

*Beijinhos*

Siga-nos no Instagram —> @sofiasalgadomota
E no Facebook —> Pedaços de Nós

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *