Tenho que adormecer a minha filha!

Não é bem adormecer, mas tenho que estar no quarto com ela até que adormeça! Sei que já não devia ser preciso. A autonomia, na hora de adormecer, é uma competência importante que influencia em muito o desenvolvimento emocional. Sei também que, para mim, seria bem mais fácil se àquela hora ela se deitasse e dormisse. O que ainda faço depois de adormecer é imenso e o cansaço não é fácil de gerir, depois de estar mais de uma hora com ela… no escuro!

Mas depois aqueles largos minutos em que ela fala e fala e… fala, são deliciosos.

Quando a vou deitar é quando sei muito do que se passa na sua vida. Porque, apesar de ela ser a minha vida e de eu ser uma parte importante da vida dela, não estamos sempre juntas. Ela tem uma vida para além da mãe, uma vida para além de casa e é a essa hora que eu sei muito do que se passa nela. É quando a vou deitar que me conta o que fez na escola, o que fizeram os seus amigos, o que mais gostou no seu dia e o que a incomodou. É nesse tempo que eu percebo e analiso (não consigo não o fazer) o que se passa com ela, quais os seus medos, as suas angústias, os seus sonhos, as suas vontades. Sei que luta imenso contra o sono, nunca gostou muito de dormir e que esta situação mais cedo o mais tarde é ultrapassada. Mas mesmo assim preocupada como sou, penso muitas vezes em como lidar convenientemente com esta situação! 🙂

Quem mais se revê nesta situação?

A Almofada fofinha do palhaço é da Dream Pillows (aqui)

*Beijinhos*

Sofia

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e de seguida onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”.

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vá lá e adicione-se!  🙂

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

3 thoughts on “Tenho que adormecer a minha filha!

  1. […] Não é bem adormecer, mas tenho que estar no quarto com ela até que adormeça! Sei que já não devia ser preciso. A autonomia, na hora de adormecer, é um competência importante que influencia em muito o desenvolvimento emocional. Sei também que para mim seria bem mais fácil se àquela hora ela se deitasse e -> … Ver artigo completo no Blog […]

  2. Sara Gomes says:

    A minha filha faz 3 anos em Agosto e precisa que fiquem com ela no quarto, ainda que às escuras, até que adormeça. Tanto pede a mãe como o pai.
    Não foi sempre assim, mas como trabalho fora e nem sempre dormia em casa, as noite que vinha a casa para estar mais tempo com ela deitava-me na cama dela. Era uma forma de recuperar o tempo perdido.
    Chegou a adormecer sozinha. Mas a mãe estragou-a. No entanto não me arrependo. Quando sou eu que me deito com ela aproveito ao máximo aquele momento, que é único…

  3. Sandra Antunes says:

    A minha filha tem 6 anos e no dia que conversei com ela para deixar de me deitar com ela respondeu “então do nosso mimo?” Não resido e continuo a deitar-me com ela agora apenas quando ela pede.

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *