A Serra da Estrela no verão!

A Serra da Estrela no verão!

Estivemos, no final de agosto, na Serra da Estrela, uma vontade antiga que este ano se concretizou. Sempre tive imensa curiosidade em conhecer a Serra da Estrela no verão, só a conhecia coberta de neve. 🙂

É realmente diferente. Para começar não há frio, à exceção da torre, onde as temperaturas fazem lembrar os dias mais quentes… do inverno! Soube bem o casaquinho, estavam 16 graus. 🙂

Ficámos em Seia, mesmo no sopé da serra, de lá chega-se rapidamente a todo o lado. Começámos por Loriga, tomámos banho nas águas límpidas (e geladas) da sua praia fluvial e subimos até ao Sabugueiro para almoçar. De seguida, uma visita à torre e a descida até à Lagoa Comprida, banho, mais uma vez. Maravilhas que só o tempo quente permite. Para o final ficou o Covão D’Ametade e a nascente do Rio Zêzere, que sítio lindo! Aliás, era tudo lindo!

Ficaram algumas coisas por ver, como o Covão dos Conchos e a Barragem Vale de Rossím que é, asseguraram-me, o sítio mais bonito de toda a serra. O tempo não deu para tudo e, por isso, ficou prometida uma nova visita.

Eu adoro turismo de natureza e se houvesse companhia, fazia isto imensas vezes. Partia à descoberta deste nosso país com cantos e recantos tão maravilhosos! Quem mais partilha desta paixão? Quem sabe organizamos umas excursões! 🙂

Deixo as imagens da nossa visita à Serra da Estrela no verão, espero que goste! 🙂

Este slideshow necessita de JavaScript.

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e de seguida onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”.

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vá lá e adicione-se! 🙂

O regresso da Carlota e o seu amor pela escola!

O regresso da Carlota e o seu amor pela escola!

Começou ontem a escola, andava ansiosa! Dizia muitas vezes “há muito tempo que não vejo os meus amigos?”ou “quando começa a escola?” e não acho que fosse porque estava farta de nos aturar. É imensamente feliz desde há três anos, quando a deixei pela pela primeira vez entregue a pessoas desconhecidas! Naquela altura não sabia como ia correr. Nunca criei grandes expectativas, nunca disse que lhe ia custar muito, nem afirmei que não lhe ia custar nada. Fiz o trabalho que me competia e deixei o resto entregue a ela e a quem a recebia!

Correu sempre tudo muito bem! Nunca chorou e a cada final de ano vêm umas férias carregadas de saudades.

Quando a deixei a primeira vez sofri, sofri como todos sofrem. Tive medo, todos temos, não é verdade? Mas sabia que o melhor da sua vida também ia acontecer ali, num espaço pensado para ela. O jardim de infância é, na grande maioria das vezes, o melhor que há para os miúdos. Num jardim de infância há imensos brinquedos e possibilidades de brincadeira. Há espaço pensados nos mais pequenos, há livros e há jogos. Há áreas de trabalho feitas em miniatura, para que eles, também mini, as explorem autonomamente. Há trabalhos feitos por eles, pensados por eles, criados por eles.

E há, acima de tudo, um amor imenso que cresce de dia para dia, quase como aquele amor que se sente por um filho!

Bom ano meu amor, bom ano! 🙂

E por aí, também há este enorme amor pela escola? 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e de seguida onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”.

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vá lá e adicione-se! 🙂

O regresso!

O regresso!

O primeiro dia já está, foi intenso, bom, mas intenso! O regresso é sempre assim. Há miúdos que choram, há miúdos que nos absorvem tantas eram as saudades, há toda uma série de competências adquiridas que nos fazem transbordar de orgulho e pensar… CARAMBA, CRESCERAM TANTO!

Há risos e cantigas, há descobertas, há uma nova sala, novos brinquedos, novos amigos! Há um novo ano a começar e a promessa de que vai ser maravilhoso. Há uma imensidão de pensamentos, de ideias e a certeza de que daqui a menos de um ano estarão ainda mais crescidos e igualmente FELIZES!

E, para mim, ainda houve o perceber que, a partir de hoje, deixo de ser Sofia e passo a ser Bia! Sim, quando começam a falar alguns deles chama-me Bia e o Bia vai ficando… para sempre! 🙂

Um bom regresso, para quem, desse lado, também começou uma nova aventura! 🙂

Gostou deste artigo? Então partilhe-o com os seus familiares e amigos! 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e mostra mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto, depois onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vão lá e adicionem-se!  🙂

A Real Companhia Velha e o vinho do Douro!

A Real Companhia Velha e o maravilhoso vinho do Douro!

Passei, no início do verão, e a convite da Real Companhia Velha, um fim de semana no Douro. Quem me conhece, sabe que sou apreciadora de vinho e quem me conhece muito bem, sabe que o do Douro é o meu favorito. Gosto especialmente do tinto. Acompanha bem com quase tudo e, quando bom, deixa um travo maravilhoso na boca. Gosto mesmo muito!

Foi um fim de semana em modo non stop. Corremos quintas, provámos os vinhos produzidos pela Real Companhia Velha, visitámos as vinhas, contemplámos a paisagem incrível do Alto Douro e viemos, todas, sem exceção, com muito vontade de voltar. As coisas boas sabem sempre a pouco e esta, que foi demasiado boa, soube ainda mais! 🙂

As quintas, propriedade da família há várias gerações, são um ótimo exemplo daquilo que de bom há no Douro. Deixo como exemplo a Quinta das Carvalhas, na qual pode desfrutar, junto ao rio, de uma magnifica paisagem, ao mesmo tempo que saboreia um copo de vinho no Carvalhas Terrace, ou ouve, embevecida, as histórias de Álvaro Martinho, o agrónomo responsável pela viticultura da Quinta das Carvalhas e que a conhece como a palma da sua mão. Visitar as Carvalhas na companhia do carismático Álvaro, é uma experiência genuinamente diferente e única! Eu adorei! Com ele aprendi sobre a cultura das vinhas, mas também descobri uma peculiar forma de interpretar a biodiversidade, das castas autóctones e das gerações de pessoas que fizeram do Douro uma referencia mundial.

Trouxe na memória bons momentos, muita aprendizagem, gargalhadas e acrescentei novas pessoas à minha vida. Tenho uma vida cheia de pessoas maravilhosas e estas não foram exceção. Obrigada Joana Luís, Joana Pratas, Inês, Kiki, Sheree e Vasco, vocês foram uma companhia maravilhosa.

Ainda hoje, quando fecho os olhos, me imagino na ruína de copo de vinho na mão, com aquele que foi eleito o vinho deste verão, o Porca de Murça branco!

E por aí, já conhecia a Real Companhia Velha? E o Douro? 🙂

Este slideshow necessita de JavaScript.

Gostou deste artigo? Então partilhe-o com os seus familiares e amigos! 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e mostra mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto, depois onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro.”

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vão lá e adicionem-se!  🙂