Os pinguins chegaram ao Sea Life!

Os pinguins chegaram ao Sea Life!

O Sea Life tem sete novos habitantes, os pinguins já lá vivem e estão prontos para encantar miúdos e graúdos. São da família Humboldt, originários da América do Sul e são uma espécie vulnerável à extinção. Razão pela qual a sua permanência e reprodução em cativeiro é considerada uma mais-valia.

O tanque está no exterior e os pinguins são muito amistosos. Vieram ter connosco mal nos aproximámos do vidro. Claro que a Carlota delirou! O aquário permite ainda que a água faça uma espécie de ondas, algo muito apelativo para as mãozinhas curiosas e mexericas dos mais pequenos!

Nós adorámos e vamos, com toda a certeza, voltar! E por aí, já foi visitar os pinguins do Sea Life? 🙂

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fique a saber tudo sobre o Sea Life aqui! 🙂

Gostou deste artigo? Partilhe-o com os seus familiares e amigos! 🙂

Pode ver mais looks aqui e aqui! 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e de seguida onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”.

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vá lá e adicione-se! 🙂

O Kastelo dos meninos especiais!

O Kastelo dos meninos especiais!

Fernando Pessoa escreveu “o homem sonha, a obra nasce” ao que eu acrescento, e a magia acontece. Do sonho de dar uma vida mais digna a todas as crianças, acreditando que “todas têm direito à felicidade, mesmo quando atingidas por uma doença grave e/ou em fase terminal”, nasceu o Kastelo (dos meninos especiais)!

O Kastelo é um sonho que saiu da cabeça de um grupo de enfermeiros e pediatras empreendedores e se transformou na primeira unidade de cuidados paliativos e continuados pediátricos da Península Ibérica. Que presta, num ambiente familiar, serviços clínicos e psicossociais a crianças com doenças crónicas. Não é mais do que um sítio maravilhoso, cheio de príncipes e princesas especiais.

Visitei-o numa tarde soalheira e ia algum receio, lido diariamente com crianças saudáveis e achava que não ia lidar muito bem com todo o ambiente que, julgava eu, seria pesado. Mas não é! O espaço transmite uma energia tão boa, que saí de lá em paz e a acreditar que há gente muito boa neste mundo. Fiquei com uma vontade enorme de lá voltar com a Carlota, mostrar às crianças que nem todos estamos bem, faz crescer e ensina a respeitar! Um dia volto, prometi e vou voltar! 🙂

O Kastelo vive da solidariedade e conta com ajudas que se mostram valiosas, para que a vida daquelas crianças seja maravilhosa. Há empresas, há padrinhos e há uma luta quase diária por mais e melhores condições de vida, tratamento e acompanhamento às crianças e às suas famílias. Convém ainda ressaltar  o grande apoio que a União Europeia deu na construção deste que é um exemplo máximo daquilo que de bom se faz pela Europa.

Deixo algumas imagens, mas pode ver mais vídeos aqui! 🙂

Este slideshow necessita de JavaScript.

Pode ficar a saber tudo sobre o Kastelo aqui e para ajudar, porque toda a ajuda é bem-vinda, basta ver aqui! 🙂

Gostou deste artigo? Então partilhe-o com os seus familiares e amigos! 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e mostra mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto, depois onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro.”

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vão lá e adicionem-se!  🙂

Atividade para dias de chuva… pasta de farinha!

Para dias de chuva… pasta de farinha!

As previsões meteorológicas para o fim de semana de Carnaval não são muito animadoras. Por isso, deixo uma atividade, para fazer dentro de portas e que os miúdos adoram, pasta de farinha!

A pasta de farinha é uma atividade muito simples, super fácil de fazer e que ajuda imenso no desenvolvimento de algumas competências. Ajuda, por exemplo, a desenvolver a motricidade fina (falei da importância da motricidade fina aqui) e a criatividade. Ajuda a trabalhar a concentração. Ajuda a ter miúdos entretidos com algo que não faz mal. E o melhor é que pode ser explorada por todas as idades, até por bebés. É bom não é? 🙂

Então como se faz a pasta de farinha!
Ingredientes:
  • Água;
  • Farinha,
  • Corante alimentar;
  • Uma taça.
Modo de preparação:

Colocar um copo de farinha na taça e juntar meio copo de água. Juntar o corante e misturar. Adicionar água ou farinha até que a massa não cole nas mãos. Está pronta a usar! 🙂

Deixo as imagens de uma das vezes que a Carlota fez, espero que goste. 🙂

Gostou deste artigo? Então partilhe-o com os seus familiares e amigos! 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e de seguida onde diz “A Seguir” e seleccionar “Ver Primeiro”.

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vá lá e adicione-se!  🙂

O pote da calma!

Hoje trago o pote da calma!

Andava, há já uns dias, a dizer à Carlota que íamos fazer um pote da calma. Ela, que adora estas atividades, não se coibiu de cobrar! Fizemos num dos dias em que esteve doente, foi uma bela maneira de a ter ocupada e, ao mesmo tempo, a aprender. Tudo isto porque:

Quando a criança é envolvida na construção de algo, a sua noção de propriedade é maior e, então, o que quer que seja feito terá um impacto ainda maior! 🙂

O pote da calma é um instrumento que, teoricamente, ajuda a criança a acalmar-se. O que acontece é muito simples, a criança fica de tal maneira concentrada nas purpurinas que se acalma. E sim, com algumas crianças resulta. 🙂

O pote da calma é super fácil de fazer e garante momentos de diversão! Vamos lá então:

Ingredientes:

  • Frasco transparente,
  • Purpurinas de várias cores,
  • Cola transparente
  • Água.

Modo de preparação:

Colocar as purpurinas no fundo do frasco, adicionar cola transparente até chegar a meio e juntar água. Depois, é só agitar e observar as purpurinas a mexer! 🙂

Quem já conhece o pote da calma? Acha que resulta? 🙂

*Beijinhos*

Sofia

Siga-nos também no Instagram —> @sofiasalgadomota

Nota 1: o Facebook alterou o algoritmo e a partir de agora vai mostrar mais posts dos amigos e menos das páginas que seguimos. Para continuar a saber dos nossos posts basta ir aqui à nossa página, clicar em gosto e depois, onde diz “A Seguir”, seleccionar “Ver Primeiro”

Nota 2: Outra opção é adicionarem-se ao grupo do blogue Pedaços de Nós (podem fazê-lo aqui)! Esta está foi a solução encontrada para que as nossas leitoras não percam pitada. Neste espaço partilharemos apenas os posts que normalmente são partilhados na página, por isso vão lá e adicionem-se!  🙂